fbpx

Abortista confessa que deixa bebês vivos morrerem



Por Felipe Hamachi

O depoimento foi gravado por um comprador de fetos falso com uma câmera escondida.

Durante a conversa, a representante da Planned Parenthood explica que de acordo com as leis do Arizona, se um feto nasce vivo após um procedimento de aborto, ele deve ser encaminhado ao hospital.

O povo da região, inclusive funcionários, é conservador, portanto para evitar o trâmite, caso isso aconteça, ela verifica quem são as pessoas presentes durante o procedimento para decidir se deixa o bebê morrer.

ASSISTA:

Sobre o Colunista

Luiz Astorga

Luiz Astorga

Luiz Astorga é professor, tradutor e doutor em filosofia pela Pontifícia Universidade Católica do Chile.

Comente

Clique aqui para comentar

Colunistas

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...

Achou algum erro na matéria? Nos informe através do formulário abaixo: