fbpx

Advogada de Trump sugere demissão de diretora da CIA em decorrência de falhas na eleição



A equipe jurídica do presidente americano Donald Trump, informou neste domingo (15), durante entrevista na Fox News, que as acusações de máquinas de votação fraudadas não apenas lançam dúvidas sobre os resultados das eleições, mas também exigem uma investigação de segurança nacional.

As máquinas de escaneamento de cédulas e o software de tabulação de votos amplamente usados ​​pela Dominion Voting Systems são suspeitos de inflar o total de votos para o candidato do Partido Democrata, Joe Biden.

De acordo com o jornal The Washington Times, as origens corporativas da Dominion remontam à Smartmatic, uma empresa de tecnologia de votação estabelecida em 2000 que tinha ligações com Chávez.

Inconformada com a omissão de alguns agentes de estado, mesmo após várias denúncias de fraudes no país, a advogada de Donald Trump, Sidney Powell, desabafou neste final de semana, na TV americana, que a Diretora da CIA, Gina Haspel deveria ser demitida por ignorar alertas sobre o software usado na votação para a eleição presidencial deste ano.

“Por que Gina Haspel ainda está lá na CIA? É algo além da minha compreensão. Ela deveria ser demitida imediatamente.”, disse Powell.

A advogada  afirma que o software foi usado ostensivamente para descartar milhões de votos que seriam a favor de Trump. Ela ainda disse que tinha muitas formas de provar as acusações, mas que não iria contar em rede nacional (televisão).

A Empresa de tecnologia Dominion, que forneceu o software, afirmou em um comunicado publicado em seu site oficial que “nega categoricamente as falsas afirmações sobre a troca de votos em nosso sistema de votação”.

A Agência de Segurança Cibernética e Segurança de Infraestruturas do Departamento de Segurança Interna aparenta se expressar no mesmo tom, insistindo que “não há nenhuma evidência de que qualquer sistema de votação tenha apagado ou perdido votos, alterado votos, ou tenha sido de alguma maneira comprometido“.

Uma recontagem está em andamento na Geórgia

No ano passado, a senadora Elizabeth Warren, de Massachusetts, liderou três outros legisladores democratas no alerta de que a Dominion Voting Systems e duas outras empresas de tecnologia de votação eram “atormentadas por problemas” e “sujeitas a problemas de segurança“.

As cartas exigindo respostas das empresas também foram assinadas pelos senadores Amy Klobuchar de Minnesota e Ron Wyden de Oregon, e pelo deputado Mark Pocan de Wisconsin.

A Smartmatic foi fundada por três engenheiros venezuelanos e incorporada em Delaware, com sede em Boca Raton, Flórida, diz o Washington Times.

Em 2004, a empresa havia se expandido amplamente e comprado a Bizta, uma empresa de votação eletrônica na qual a Smartmatic e o governo venezuelano possuía grandes participações.

Em 2005, a Smartmatic comprou a Sequoia, uma das principais empresas dos EUA que produz sistemas de votação automatizados.

Em 2006, autoridades americanas começaram a notar fraude no sistema 

A representante Carolyn Maloney, democrata de Nova York, escreveu em maio de 2006 ao secretário do Tesouro, John W. Snow, exigindo uma investigação da influência do governo venezuelano nos sistemas de votação dos EUA.

Como você pode imaginar, ter um governo estrangeiro investindo ou comprando uma empresa que atende às eleições nos Estados Unidos poderia levantar preocupações sobre a integridade das eleições conduzidas por essas máquinas”, escreveu ela.

O escrutínio subsequente das máquinas de escaneamento óptico e de votação da Sequoia, que basicamente eram sistemas Smartmatic renomeados, encontrou erros de tabulação semelhantes aos das eleições disputadas sob Chávez na Venezuela.

Enquanto estava sendo analisada pelo Comitê de Investimento Estrangeiro nos EUA, a Smartmatic em 2006, vendeu a Sequoia para a Bain Capital, uma grande investidora com ligações com o senador Mitt Romney, republicano de Utah.

Em 2010, a Sequoia foi comprada pela Dominion, na época uma empresa canadense pouco conhecida que fabricava urnas de votação.

Colunistas

avatar for Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

avatar for Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

avatar for Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...

Achou algum erro na matéria? Nos informe através do formulário abaixo: