fbpx

Após revisão de segurança, EUA suspendem serviços de visto em consulado na Rússia



Após uma revisão de segurança de suas operações, o governo federal dos Estados Unidos decidiu suspender os serviços de vistos ao cidadão em um consulado na Rússia. Com a decisão desta quinta-feira (1), o embaixador dos EUA John Sullivan informou que apenas os serviços na embaixada de Moscou estarão disponíveis.

Ainda em 2020, os EUA interromperam o trabalho em dois consulados na Rússia, alegando questões de proteção e segurança nas instalações onde as operações foram interrompidas.

O embaixador John Sullivan disse em um comunicado que as operações no consulado dos EUA na cidade de Vladivostok, no extremo leste, permaneceriam suspensas.

Sullivan informou que o consulado dos EUA em Yekaterinburg permanecerá aberto, mas não emitirá mais vistos ou oferecerá serviços a cidadãos americanos, o que significa que todos os pedidos de visto da Rússia serão processados ​​pela embaixada em Moscou.

“A embaixada também fornecerá serviços de visto da maneira mais eficiente e rápida possível, dadas as restrições de pessoal”, disse Sullivan.

Em março, a Rússia chamou de volta seu embaixador nos Estados Unidos a Moscou para consultas sobre o futuro das relações entre os dois países. Segundo o governo russo, o país procura garantir que os laços bilaterais não se degradem irreparavelmente.

Sobre o Colunista

Brehnno Galgane

Graduando em Filosofia pela PUC-Rio, Católico e cultivador de uma narrativa que tenha sentido segundo a forma humana.

Comente

Clique aqui para comentar

Colunistas

avatar for Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

avatar for Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

avatar for Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...

Achou algum erro na matéria? Nos informe através do formulário abaixo: