fbpx

Bolsonaro diz que reeditará decreto sobre SUS e relembra proposta de Dilma



Durante live desta quinta-feira (29), o presidente Jair Bolsonaro afirmou que vai reeditar nos próximos dias o decreto que previa elaboração de estudos para parcerias com a iniciativa privada para as Unidades Básicas de Saúde (UBS’s).

O presidente disse que, lamentavelmente, grande parte da mídia fez um carnaval sobre o assunto. “Tivemos um probleminha com o decreto sobre o SUS [Sistema Único de Saúde] que não tinha nada a ver com privatização. Mas, lamentavelmente, grande parte da mídia fez um carnaval em cima disso”, afirmou.

Bolsonaro também aproveitou para relembrar que, Dilma Rousseff, também defendia parcerias com a iniciativa privada para melhorar o SUS.

O presidente exibiu folha com reportagem de 23 de setembro de 2010 tinha como manchete: “Dilma Rousseff defende parcerias com iniciativa privada para melhorar o SUS”.

“Em 23 de setembro de 2010, Dilma era a presidente, né? [na verdade, o presidente era Lula]. Exatamente o que foi proposto agora, ela propôs atrás, não teve sucesso, para variar nada dava certo no governo dela. Mas exatamente o mesmo decreto. Mudança de uma palavra ou outra perdida apresentamos”, comentou Bolsonaro.

“Agora ela critica”, disse, referindo-se a entrevista concedida nesta semana pela ex-presidente.

“Então, senhora Dilma Rousseff, até estou dando muito cartaz para ela, vamos reapresentar o decreto nos próximos dias. O que a senhora não conseguiu fazer lá atrás, vamos conseguir fazer agora”, frisou.

O Terça Livre transmitiu a live do presidente nesta quinta-feira (29):

Colunistas

avatar for Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

avatar for Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

avatar for Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...

Achou algum erro na matéria? Nos informe através do formulário abaixo: