fbpx

Cármen Lúcia critica ‘traidores da Constituição’

Rosinei Coutinho/STF


 

A ministra Cármen Lúcia, do Supremo Tribunal Federal, criticou nessa segunda-feira (23) pessoas que questionam o sistema eleitoral, sugerindo que seriam “traidores da Constituição”. A declaração foi dada durante uma palestra na Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais.

“Essa Constituição durará enquanto durar a democracia brasileira. Traidor da Constituição é traidor da pátria. Não podemos admitir traidores da Constituição, que são traidores da história brasileira, do presente e principalmente do futuro”, declarou  a ministra parafraseando José Pimenta Bueno.

Cármen Lúcia ainda disse que o país não tem “vocação para a tirania”.

“Acho que temos vocação para a liberdade […] Quem gosta de sombra é cego. Quem tem olhos gosta de luz. E a liberdade é o regime de luz, não a tirania”, afirmou.

A ministra é um dos membros do STF que votou pela legalidade de inquéritos contra conservadores.

As declarações vêm poucos dias depois de o presidente Jair Bolsonaro protocolar no Senado um pedido de impeachment do ministro Alexandre de Moraes.

O analista político Paulo Figueiredo comentou as declarações da ministra no Radar da Mídia dessa segunda-feira (23).

“Essa é a mesma Constituição que diz sobre a liberdade de expressão? Então ela deve estar questionando os colegas que prenderam pessoas por opinião, ela deve estar questionando quem retirou matéria de jornal do ar, deve estar criticando os que mandaram prender deputados que têm direito a imunidade parlamentar, também protegida pela Constituição”, ressaltou.

Assista aos comentários da notícia:

 

Colunistas

avatar for Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

avatar for Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

avatar for Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...

Achou algum erro na matéria? Nos informe através do formulário abaixo: