fbpx

Cármen Lúcia rejeita habeas corpus pedido por Sara Winter

Cármen Lúcia


A ministra Cármen Lúcia, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou na noite dessa quinta-feira (18/6) um habeas corpus à Sara Winter, que foi presa esta semana no âmbito de um inquérito sobre atos considerados “antidemocráticos”.

Uma das líderes do grupo autodenominado “300 do Brasil”, Sara foi presa temporariamente na segunda-feira (15/6) pela Polícia Federal (PF), por ordem do ministro Alexandre de Moraes, também do Supremo, e a pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR). O mandado de prisão tem duração inicial de cinco dias, podendo ser prorrogado. Outras cinco pessoas também foram presas na mesma operação.

Sara também já foi alvo, na semana passada, de mandado de busca e apreensão no chamado inquérito das fake news, que tramita no Supremo sob a mesma relatoria de Alexandre de Moraes e apura “ameaças” e “difamações” proferidas contra os ministros da Corte nas redes sociais.

Informações: Agência Brasil

Sobre o Colunista

Brehnno Galgane

Brehnno Galgane

Graduando em Filosofia pela PUC-Rio, Católico e cultivador de uma narrativa que tenha sentido segundo a forma humana.

13 Comentários

Clique aqui para comentar

Colunistas

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...

Achou algum erro na matéria? Nos informe através do formulário abaixo: