fbpx

China vai rever lei para permitir terceiro filho

Fonte: pexels.com


 

O comitê central do Partido Comunista Chinês (PCCh) está revendo a política de planejamento familiar no país. Na prática, a mudança na lei permitirá que famílias tenham três ou mais filhos. O anúncio foi feito na última terça-feira (20) mediante a publicação de um documento.

A medida pode ter sido tomada para combater a queda na fertilidade no país, que atingiu o nível de 1,7 por mulher. O ideal para manter o tamanho da população é uma taxa de 2,1 filhos, pois, assim, o casal é substituído.

Com a aprovação do documento os casais não serão mais multados por terem um número superior a 3 filhos e isto não será levado em conta para pais se candidatarem a empregos, matricularem as crianças em escolas ou registrarem suas famílias.

Com informações, Revista Oeste.

Sobre o Colunista

Italo Toni Bianchi

Ítalo Toni Bianchi, membro do Movimento Conservador, bacharel em teologia pelo Seminário Teológico Batista Nacional Enéas Tognini. Músico percussionista, leitor, preletor e jornalista do portal Terça Livre.

Comente

Clique aqui para comentar

Colunistas

avatar for Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

avatar for Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

avatar for Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...

Achou algum erro na matéria? Nos informe através do formulário abaixo: