fbpx

Comerciantes estudam protestar contra João Doria em SP



Comerciantes de São Paulo estudam sair às ruas em protesto contra o autoritarismo do governador João Doria (PSDB) durante a pandemia do vírus chinês.

Diante da ineficiência de sua gestão em frear o avanço do vírus, o tucano pretende implantar medidas ainda mais rígidas, limitando até mesmo os serviços considerados pelo governo como “essenciais”, que são farmácias, supermercados e postos de gasolina, por exemplo. A mudança ocorre após o Ministério Público de São Paulo ordenar a suspensão de cultos religiosos e do Campeonato Paulista.

Contrárias às medidas e defendendo o direito de trabalhar, associações de empresas de comércio, serviços e alimentação se mobilizam para cobrar  de Doria a reabertura imediata das lojas.

Segundo divulgou o Estadão, a cobrança dos lojistas constará em uma carta que será enviada à cúpula do governo paulista e, caso não sejam atendidos, os empresários planejam protestar nas ruas aos moldes do movimento ocorrido em Manaus no fim do ano passado.

Sobre o Colunista

Bruna de Pieri

Comente

Clique aqui para comentar

Colunistas

avatar for Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

avatar for Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

avatar for Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...

Achou algum erro na matéria? Nos informe através do formulário abaixo: