fbpx

Comissão Europeia quer restringir festas de Natal



Na última quarta-feira (2/12), em documento oficial, a Comissão Europeia emitiu um comunicado informando a suposta necessidade de restringir festas no final deste ano.

No comunicado, o órgão diz ainda que a restrição serve para número de pessoas em pequenas reuniões, inclusive domésticas; e missas natalinas podem ser proibidas.

Como suposta justificativa, o órgão afirma que a Europa ainda vem sentindo os efeitos da pandemia e que as festividades dessa época podem piorar o cenário.

Ainda neste ano de 2020, eles proibiram as celebrações das Missas de Páscoa, e agora querem proibir as festas de Natal; ambas são celebrações vitais para os cristãos pelo mundo. E parece, infelizmente, que essa tendência já foi aceita pelo Vaticano.

Há alguns dias o papado anunciou o cancelamento de uma tradicional cerimônia em honra à Imaculada Conceição de Maria, que todo ano acontece na Piazza di Spagna, e estava marcada para o próximo dia 8. E mesmo a Missa do Galo, que ocorre na Noite de Natal, corre o risco de ser rezada sem a presença de fiéis.

No entanto, nem o Vaticano e nem o episcopado europeu deu posição definitiva sobre as celebrações.

No Brasil, onde muitas paróquias seguem atendendo os fiéis com restrições, a CNBB também não se pronunciou claramente sobre as missas natalinas.

Sobre o Colunista

Brehnno Galgane

Graduando em Filosofia pela PUC-Rio, Católico e cultivador de uma narrativa que tenha sentido segundo a forma humana.

Comente

Clique aqui para comentar

Colunistas

avatar for Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

avatar for Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

avatar for Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...

Achou algum erro na matéria? Nos informe através do formulário abaixo: