fbpx
Foto: Alan Santos/PR

‘Como eu gostaria de ter o poder, como deveria ser meu, para definir essa política’, diz Bolsonaro sobre pandemia



O presidente Jair Bolsonaro voltou a falar nesta quinta-feira (4) sobre a medida do Supremo Tribunal Federal (STF) que conferiu a estados e municípios a autoridade de tratar a pandemia da praga chinesa.

Ao apelar que governadores deixassem de lado a política do “fecha tudo”, Bolsonaro desabafou, dizendo que gostaria de ter o poder, que deveria ser dele, para decidir os rumos da pandemia no Brasil.

“Eu apelo aqui, já que me foi castrada a autoridade, para governadores e prefeitos: Repensem a política do fecha tudo. O povo quer trabalhar. Venham para o meio do povo. Conversem com o povo. Não fiquem me acusando de fazer aglomeração”, disse.

Bolsonaro falava durante a inauguração da ferrovia Norte-Sul, em Goiás, mas seu discurso foi totalmente voltado ao modo como a pandemia vem sendo enfrentada no Brasil.

“Vamos combater o vírus, mas não de forma ignorante. Burra. Suicida. Como eu gostaria de ter o poder, como deveria ser meu, para definir essa política. Para isso que vocês votaram em mim”, desabafou o presidente.

E acrescentou, no que aparentou ser um recado às decisões do judiciário: “Até quando vamos ficar dentro de casa? Até quando vai se fechar tudo? Ninguém aguenta mais isso. Lamentamos as mortes, mas tem que ter uma solução. Tudo tem que ter uma solução. Eu fui eleito para comandar o Brasil. Espero que esse poder me seja restabelecido.”.

De acordo com o presidente, os três poderes são importantes, mas cada um deve saber os seus limites. “Costumo dizer que o executivo e o legislativo são um poder só, nós trabalhamos juntos. Não tem como a gente fazer isso se o poder legislativo não está do nosso lado. Cada vez mais nós devemos saber os nossos limites”.

“Para eu atravessar a praça dos três poderes, ir ao legislativo, ou ir ao judiciário, no meio do caminho tem o povo. Povo esse que eu jurei lealdade absoluta. Esse povo que tem que conduzir o destino do Brasil. E eu converso com vocês. De vez em quando alguém xinga. Sem problema nenhum. Mas a grande maioria me fala algo dizendo que estou no caminho certo”, disse Bolsonaro.

Colunistas

avatar for Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

avatar for Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

avatar for Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...

Achou algum erro na matéria? Nos informe através do formulário abaixo: