fbpx

Conmebol cobra mais de R$ 600 milhões da Globo



Nesta terça-feira (24/11), foi divulgado que a Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) entrou com uma ação contra a TV Globo, cobrando US$ 120 milhões (R$ 653 milhões). A ação foi solicitada devido à rescisão do contrato de direito de transmissão do campeonato “Libertadores”. 

Durante uma reunião virtual com os clubes que participam das oitavas de final da competição, o presidente da Conmebol, Alejandro Dominguez, informou que já dera início às medidas legais contra a emissora e a DAZN (plataforma streaming) pelos prejuízos no rompimento de acordos.

“Pusemos à disposição das associações membros e os clubes cerca de US$ 95 milhões, em contexto de antecipação de prêmios de participação, ajuda para provas de laboratório e logística aérea para as viagens das equipes participantes”, disse o presidente.

“Isso foi feito apesar do forte golpe que significou a rescisão unilateral de contratos de transmissão de nossas partidas no território brasileiro por parte do grupo Globo e da empresa DAZN – disse Alejandro na reunião, como relatado no site da confederação”, completou Dominguez.

A Globo tinha os direitos de transmissão da Copa Libertadores em TV aberta e fechada, divididos com a Fox Sports. O contrato era válido de 2019 a 2022, com o valor de US$ 60 milhões por ano. Com a saída da Globo, a Conmebol optou por fechar acordo com o SBT.

Sobre o Colunista

Brehnno Galgane

Brehnno Galgane

Graduando em Filosofia pela PUC-Rio, Católico e cultivador de uma narrativa que tenha sentido segundo a forma humana.

Comente

Clique aqui para comentar

Colunistas

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...