fbpx

Covid-19: Brasil tem escolas fechadas pelo dobro do tempo que a maioria dos países, aponta Unesco



A Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO) apontou que o Brasil teve suas escolas fechadas pelo dobro do tempo durante a pandemia, quando comparado à maioria dos países pelo mundo. A informação é de um relatório divulgado pela organização no último domingo (24).

Segundo relatório, a maioria dos países fechou suas escolas por pouco mais de 20 semanas durante o ano da pandemia. O Brasil, no entanto, dobrou a marca, chegando a ficar longe das salas de aula por 40 semanas.

Segundo uma reportagem do jornal O Globo, o tempo em que as escolas permaneceram fechadas no Brasil só se equipara ao de países como Argentina, Chile, Moçambique e Etiópia. Os Estados Unidos, por exemplo, não ultrapassaram 38 semanas.

Segundo a Unesco, cerca de 800 milhões de estudantes tiveram o calendário escolar prejudicado pela pandemia em todo o mundo. As instituições de ensino passaram, em média, dois terços do ano letivo fechadas.

Sobre o Colunista

Brehnno Galgane

Graduando em Filosofia pela PUC-Rio, Católico e cultivador de uma narrativa que tenha sentido segundo a forma humana.

Comente

Clique aqui para comentar

Colunistas

avatar for Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

avatar for Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

avatar for Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...

Achou algum erro na matéria? Nos informe através do formulário abaixo: