fbpx

CPAC: senadora declara que Big Techs ‘ajudam’ Pequim em seu esforço por domínio global



A senadora americana Marsha Blackburn, durante o primeiro dia da Conferência de Ação Política Conservadora (CPAC) na sexta-feira (26), declarou que as grandes empresas de tecnologia estão “ajudando” o Partido Comunista da China (PCCh) a atingir seu objetivo de ser uma superpotência global.

“A China está tentando cancelar os Estados Unidos da América”, declarou a senadora. “China e Big Tech, eles têm um relacionamento acolhedor. Elas [as Big Techs] estão permitindo que o Partido Comunista da China divulgue todas as suas informações”.

“Se se conformar, eles vão cancelar você. Soa muito como a China comunista, não é?”, acrescentou Blackburn. “É por isso que temos que continuar bloqueando a Huawei, que é a rede de espionagem da Big Tech.”

Por fim, a senadora ressaltou mais uma vez o estreito laço entre as Big Techs e o PCCh, além das dificuldades encontradas para combater essa parceria.

“A Big Tech está ajudando e encorajando o Partido Comunista da China em seu esforço pelo domínio global”, disse Blackburn, falando sobre as censuras praticadas nos últimos meses. “E teremos que enfrentar isso.”

 

Sobre o Colunista

Brehnno Galgane

Brehnno Galgane

Graduando em Filosofia pela PUC-Rio, Católico e cultivador de uma narrativa que tenha sentido segundo a forma humana.

Comente

Clique aqui para comentar

Colunistas

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...

Achou algum erro na matéria? Nos informe através do formulário abaixo: