fbpx

Deputado pró-China fala em doença mental e sugere ‘interdição civil’ ao presidente Bolsonaro



O deputado pró-China Fausto Pinato voltou a atacar o presidente Jair Bolsonaro e defender o Partido Comunista da China (PCCh). Pinato emitiu nota na última quarta-feira (5), após o presidente perguntar retoricamente ao público durante um evento no Palácio do Planalto se a pandemia não poderia ser “uma nova guerra”.

“Os militares sabem o que é guerra química, bacteriológica e radiológica. Será que estamos enfrentando uma nova guerra? É um vírus novo. Ninguém sabe se nasceu em laboratório ou se nasceu por um ser humano ingerir um animal inadequado. Qual país que mais cresceu seu PIB? Não vou dizer”, pontuou Jair Bolsonaro.

Fausto Pinato, que é presidente da Frente Parlamentar Brasil-China na Câmara e possui estreitas ligações com o PCCh, disse estar preocupado sobre um possível desvio de personalidade da maior autoridade do Brasil.

“A meu ver, não se trata de uma pessoa irresponsável, desequilibrada e sem noção de mundo. Na verdade, pode tratar-se de uma grave doença mental que faz nosso presidente confundir realidade com ficção”, disse Pinato, sugerindo ainda “interdição civil” ao presidente e que não compactuará com  “afirmações desrespeitosas e irresponsáveis contra a China”.

“Eu gostaria de aproveitar as palavras do ilustre deputado e devolver a ele próprio perguntando em que Parlamento ele atua. Se ele atua no Parlamento da China”, sugeriu o analista político Carlos Dias, durante o Boletim da Manhã desta quinta-feira (6). “Referir-se ao presidente no nível em que ele se refere é extremamente grave. Pode ter toda a liberdade de expressão, mas existe o espectro do ferimento do decoro parlamentar. E eu acredito que certamente esse senhor parlamentar está totalmente enquadrado nessa quebra de decoro.”

Carlos Dias destacou ainda a lucidez e capacidade do presidente Bolsonaro, por estar “governando o Brasil apesar dos Pinatos da vida”. Dias também apontou que o deputado Pinato deveria ser objeto de processo, uma vez que “trocou o exercício parlamentar pela defesa de interesses de outros que não da nação brasileira.”

“O deputado federal Fausto Pinato é que deve estar sofrendo de alguma alienação mental, com certeza, porque ele não sabe nem onde está e o que significa o seu mandato quando jurou defender a Constituição e o seu país. É um deputado federal, ele não está dando uma opinião sobre temas irrelevantes ou menores”, afirmou o analista político. “A China representa um perigo efetivo não só para o Brasil, mas para o mundo como um todo”, finalizou Carlos Dias.

Assista aos comentários da notícia:

Sobre o Colunista

Brehnno Galgane

Graduando em Filosofia pela PUC-Rio, Católico e cultivador de uma narrativa que tenha sentido segundo a forma humana.

Comente

Clique aqui para comentar

Colunistas

avatar for Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

avatar for Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

avatar for Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...

Achou algum erro na matéria? Nos informe através do formulário abaixo: