fbpx

EUA teve quase 100 mil mortes por overdose em 2020



 

O Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) dos Estados Unidos divulgou dados preliminares, publicados no último dia 16 de junho, apontando que em 2020 houve um número recorde de pessoas que morreram de overdose.

Conforme informou o site de notícias KMOV4, os números – ainda provisórios – apontam que mais de 92 mil pessoas morreram por overdose em um período de 12 meses encerrado em novembro de 2020. Esse é o maior número já registrado pelo órgão desde o início das estatísticas em 1999.

As mortes por overdose aumentaram nas últimas duas décadas, quase dobrando entre 2010 e 2018. Especialistas norte-americanos dizem que a tendência foi impulsionada pelo aumento do uso e abuso de analgésicos opioides.  

O analista político Paulo Figueiredo Filho, durante o Radar da Mídia de segunda-feira (28), criticou o posicionamento da velha mídia que, segundo ele, contribuiu para esse número de mortes. Figueiredo Filho também criticou a postura de governantes que adotaram o lockdown.

“Fazer lockdown, além da consequência econômica, existem as consequências de saúde pública. É claro que teríamos um aumento de uso de drogas, claro que teríamos um aumento dos casos de violência doméstica, é claro que teríamos um aumento dos casos de depressão, claro que teríamos um aumento nos casos de suicídio, claro que teremos aumento no número de divórcios e consequências familiares muitos duras”, afirmou o analista político. 

Assista à íntegra do comentário da notícia:

Sobre o Colunista

Brehnno Galgane

Graduando em Filosofia pela PUC-Rio, Católico e cultivador de uma narrativa que tenha sentido segundo a forma humana.

Comente

Clique aqui para comentar

Colunistas

avatar for Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

avatar for Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

avatar for Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...

Achou algum erro na matéria? Nos informe através do formulário abaixo: