fbpx

Governador de SC é absolvido no caso dos respiradores e retornará ao comando do estado



O Tribunal Especial de Julgamento decidiu, por 6 votos a 4, absolver o governador do estado de Santa Catarina, Carlos Moisés da Silva (PSL), da acusação de crime de responsabilidade. Após a decisão nesta sexta-feira (7), Moisés irá reassumir o comando do estado.

Ao término da sessão, o desembargador Ricardo Roesler, presidente do tribunal, declarou: “Com esta decisão, o senhor Moisés retorna ao cargo imediatamente.”

O resultado leva ao fim o segundo processo de impeachment do governador. Moisés era acusado por crime de responsabilidade na compra fraudulenta de 200 respiradores para o estado. Os equipamentos comprados da empresa Veigamed, pelo valor de R$ 33 milhões, não foram entregues. 

De acordo com a assessoria de imprensa da Assembleia Legislativa de Santa Catarina, os magistrados membros do tribunal entenderam que não havia a existência de provas suficientes para responsabilizar administrativamente o governador. 

Carlos Moisés estava afastado do exercício do cargo desde 30 de março, quando o tribunal decidiu por aceitar a denúncia de impeachment contra o governador. Desde então, o Poder Executivo do estado passou a ser comandado pela vice-governadora, Daniela Reinehr.

Sobre o Colunista

Brehnno Galgane

Graduando em Filosofia pela PUC-Rio, Católico e cultivador de uma narrativa que tenha sentido segundo a forma humana.

Comente

Clique aqui para comentar

Colunistas

avatar for Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

avatar for Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

avatar for Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...

Achou algum erro na matéria? Nos informe através do formulário abaixo: