fbpx

Governo da Argentina pede que jovens não deixem o país



 

O governo da Argentina deu início na última quarta-feira (28)  a um programa de incentivo empresarial visando impedir que jovens deixem o país. Atualmente, a região vem passando uma das crises mais graves de sua história.

O chefe do Gabinete de Ministros, Santiago Cafiero, pediu durante a cerimônia de lançamento do projeto “Te Sumo” que as pessoas não “baixem os braços” diante da alta inflação e pobreza que a região vem passando.

“Não se vão, a Argentina está começando a virar a página, não só da pandemia, mas também da desilusão e do desespero do último governo [de Mauricio Macri]. Não saiam e não desistam”, disse Cafiero. Segundo o chefe do Gabinete, as taxas de emprego estão aumentando após restrições severas para conter a pandemia.

O programa governamental “Te sumo” busca promover o emprego de jovens com idades de 18 a 24 anos em pequenas e médias empresas no país. As empresas, por sua vez, se beneficiariam com uma redução tributária e ainda receberiam apoio financeiro do Estado para o pagamento de salários durante o primeiro ano.

Sobre o Colunista

Brehnno Galgane

Graduando em Filosofia pela PUC-Rio, Católico e cultivador de uma narrativa que tenha sentido segundo a forma humana.

Comente

Clique aqui para comentar

Colunistas

avatar for Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

avatar for Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

avatar for Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...

Achou algum erro na matéria? Nos informe através do formulário abaixo: