fbpx

Governo da Bahia e China planejam construção de nova cidade no estado

Foto: Diego Mascarenhas/Gov-BA


Os chineses planejam construir uma nova cidade na Bahia, estado governado pelo petista Rui Costa. O vice-governador da Bahia, João Leão (PP), confirmou os projetos. De acordo com informações publicadas pelo site baiano Acesse Política, Leão revelou que os chineses vão construir uma nova cidade totalmente ecológica e sustentável.

“Mais do que uma mera réplica do sucesso que estes extraordinários homens fazem na China e outros locais do mundo, a nova cidade que eles pretendem construir aqui na Bahia irá contar a história do futuro de uma nova cidade bem planejada e 100% sustentável, utilizando energia eólica e solar”, afirmou o político.

O objetivo, de acordo com João Leão, que também é secretário de Planejamento, é dar continuidade no processo de construção da Ponte Salvador-Itaparica. Em novembro do ano passado, o governo da Bahia fechou contrato de mais de 7 bilhões de reais com a China para a construção da ponte.

De acordo com o colunista Levi Vasconcelos, do jornal A Tarde, a cidade terá edifícios de até 30 andares em um ambiente em que o esgoto é 100% coletado e tratado.

Segundo a coluna, o local escolhido será a “Ponta dos Garcez”, localizada em Jaguaripe, local valorizado no período do Brasil Colonial pelos portugueses. A área começa no lado sul da ilha de Itaparica e se estende por quase 14 quilômetros.

Litoral de Jaguaripe ao sul da ilha de Itaparica

O prefeito de Jaguaripe, Eráclito Arandas (PSD), afirma que as negociações caminham de forma promissora. Ele participou em 11 de maio da terceira reunião com representantes do governo do estado e chineses para discutir o assunto.

“Nossa parte é adequar a área, seguindo a lei, para esse tipo de negócio. É algo complexo, mas eu não tenho a menor dúvida de que a ponte Salvador-Itaparica vai dar um forte impacto aqui e estamos nos organizando”, declarou.

O assunto foi comentado durante o Boletim da Manhã desta terça-feira (18). “Quando parece bom demais para ser verdade, geralmente é. Veja bem, é um absurdo a China vir e fazer uma cidade aqui? Qual a contrapartida deles? Mas, se eu fosse apostar, acho que não vai sair do papel, acho que isso é mais para especulação do que qualquer outra coisa, pode apostar que o preço do metro quadrado ali quadruplicou de ontem para hoje, pode apostar”, observou Italo Lorenzon.

O Terça Livre procurou o governo da Bahia para comentar sobre a construção da nova cidade, mas não obteve resposta até o fim desta reportagem.

Trem “aéreo” 

Além da construção da Ponte Salvador-Itaparica e dos planos da criação de uma nova cidade, China e Bahia também são parceiras na implantação do Veículo Leve de Transporte (VLT), equipamento que vai substituir o trem do subúrbio em Salvador.

De acordo com as informações do governo do estado, o equipamento foi construído na sede da empresa chinesa BYD e será o primeiro skyrail sobre o mar do mundo.

“O VLT do Subúrbio é fruto de uma parceria público-privada entre o Governo da Bahia e a Skyrail Bahia, empresa responsável pela implantação e operação do VLT”, afirma o governo baiano. No total, estão sendo investidos cerca de R$ 2,5 bilhões na construção do sistema.

Segundo as informações do jornal A Tarde, em fevereiro deste ano as dez estações que faziam parte do sistema de trens do do Subúrbio Ferroviário de Salvador foram fechadas e imediatamente foram iniciadas as obras de implantação do novo sistema.

O presidente da Companhia de Transportes do Estado da Bahia (CTB), José Eduardo Copello, disse em entrevista ao jornal que o novo sistema terá 23,3 km de extensão, 25 estações previstas, atendendo desde a Ilha de São João, em Simões Filho, até a integração com o metrô na estação Acesso Norte.

Em abril, o primeiro dos 25 VLTs ficou pronto e foi apresentado durante videoconferência na China.

Foto: Governo da Bahia

O governador Rui Costa teceu elogios à China pelo avanço tecnológico e social. “A China esta erradicando a pobreza e a fome, um processo que avança na economia, mas que tem foco nas pessoas, na erradicação da pobreza no planeta. É possível o Brasil acompanhar e fazer mais parcerias com a China e com outras nações. Fica aqui expressa a minha admiração e compromisso para que possamos avançar em novas parcerias”.

Assista ao Boletim da Manhã desta terça-feira (18)

Colunistas

avatar for Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

avatar for Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

avatar for Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...

Achou algum erro na matéria? Nos informe através do formulário abaixo: