fbpx

Governo vai transferir 530 venezuelanos para São Paulo e Amazonas



Eliseu Padilha, ministro da Casa Civil, afirmou nesta quarta-feira (21) que, nos próximos 15 dias, o governo federal dará início ao processo de transferência de venezuelanos que estão em Roraima para outros estados brasileiros. Os imigrantes que estão atualmente em Roraima serão encaminhados para o Amazonas e para São Paulo.

Desde 2015 Roraima está sendo “invadida” por venezuelanos que fogem da ditadura socialista de Nicolás Maduro. Segundo o G1, em 2017 foram registrados 17.130 pedidos de refúgio pela Polícia Federal.

De acordo com dados da prefeitura de Boa Vista, 40 mil venezuelanos vivem atualmente na cidade, o que representa mais de 10% dos 330 mil habitantes da capital.

“Eles padecem de fome. No ano passado, a população venezuelana emagreceu, em média, oito, nove quilos. É uma situação seríssima, uma crise humanitária que nós não podemos virar as costas e estamos fazendo o possível e o impossível da melhor maneira”, afirmou Padilha sem citar a real causa da catástrofe no país vizinho.

O ministro conversou com jornalistas após a primeira reunião do Comitê Federal de Assistência Emergencial, criado na semana passada pelo presidente Michel Temer. O grupo será responsável pelo acolhimento de pessoas em situação de vulnerabilidade causada pelo fluxo migratório.

Segundo o ministro, o governo precisa administrar não só os venezuelanos que querem ficar no Brasil, mas também os que estão apenas de passagem.

 

Colunistas

avatar for Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

avatar for Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

avatar for Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...

Achou algum erro na matéria? Nos informe através do formulário abaixo: