fbpx

Biden fala contra Xi Jinping, mas não contra o Partido Comunista Chinês

Xi jinping, Joe Biden, democracia, crítica, análise, liderança


O atual chefe de estado dos Estados Unidos, Joe Biden, fez uma análise sobre a liderança do presidente da China e secretário-geral do Partido Comunista chinês, Xi Jinping, nesta segunda-feira (08/02), durante entrevista ao canal de TV CBS.

Segundo Biden, a China não preza pela democracia e Jinping é “inteligente” mas “muito duro”. Afirmou ainda que a análise não é mera crítica, mas a realidade dos fatos.

“Não tem um só osso democrático em seu corpo”, assegurou Biden.

A manifestação de Biden causa estranheza, pois ele sempre se mostrou ser um apoiador das causas do Partido Comunista chinês. Porém, é importante relembrar que o partido comunista chinês possui ao menos 12 grandes facções internas. Antes de Xi Jinping, essas facções se alternavam no poder.

Xi Jinping, depois de assumir o governo, mudou a legislação chinesa para se manter de forma vitalícia no poder. O seu tempo normal de mandato, segundo a legislação anterior, terminaria em 2022. Analistas esperam que as tensões entre as facções aumentem durante esse período com o objetivo de derrubar Xi Jinping.

As recentes posturas de Joe Biden podem indicar que a queda de Xin Jinping como chefe do regime chinês pode estar próxima.

 

Colunistas

avatar for Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

avatar for Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

avatar for Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...

Achou algum erro na matéria? Nos informe através do formulário abaixo: