fbpx

Mais de 100 mil franceses vão às ruas contra ‘passaporte sanitário’

Reprodução


 

Milhares de manifestantes foram às ruas da França no último sábado (17) contra o “passaporte sanitário”. Com manifestações em 136 cidades, cerca de 114 mil franceses se posicionaram contra a medida autoritária do governo francês. A informação foi confirmada pelo Ministério do Interior da França.

Segundo o site AP News, os manifestantes foram às ruas após o governo francês anunciar que vai elaborar um projeto de lei para tornar a vacina contra a Covid-19 obrigatória.

Com gritos de “Macron, renuncia!” e por “liberdade”, a população francesa manifestou sua insatisfação contra a imposição do governo francês para tornar as vacinas obrigatórias, exigindo um “passe de saúde” comprovando que as pessoas estão totalmente vacinadas.

“Eu nunca vou ser vacinado. As pessoas precisam acordar”, disse Bruno Auquier, um vereador de 53 anos que mora nos arredores de Paris.

“O governo está indo longe demais”, disse Lucien, um gerente de loja de varejo. Sua amiga Elise, de 26 anos, disse: “Estou vacinada contra difteria, tétano e poliomielite. Mas a vacina contra a Covid é muito experimental”.

Sobre o Colunista

Brehnno Galgane

Graduando em Filosofia pela PUC-Rio, Católico e cultivador de uma narrativa que tenha sentido segundo a forma humana.

Comente

Clique aqui para comentar

Colunistas

avatar for Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

avatar for Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

avatar for Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...

Achou algum erro na matéria? Nos informe através do formulário abaixo: