fbpx

Mandetta: ‘Só saio daqui quando acharem que eu não devo mais trabalhar’



O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, disse que só sai do cargo quando acharem que ele não deve mais trabalhar.

A declaração ocorreu depois que o presidente Jair Bolsonaro se pronunciou em rede nacional para pedir que as quarentenas totais adotadas pelos estados brasileiros fossem revistas, pelo bem da economia do país.

A imprensa especulou que Mandetta não iria aceitar a proposta de isolamento vertical e que deixaria o cargo por supostamente não concordar com o presidente.

“Eu vou deixar muito claro: eu só saio daqui quando acharem que eu não devo mais trabalhar – quando o presidente achar, porque foi ele que me nomeou –, ou se eu estiver doente, ou no momento em que eu achar que esse período de turbulência tiver passado e eu possa não ser mais útil”, disse.

“Agora eu vou trabalhar ao máximo. A equipe está todinha focada, nós vamos trabalhar com critério técnico sempre”, acrescentou o ministro.

O ministro também classificou a quarentena como “remédio extremamente amargo”.

“A quarentena é um remédio extremamente amargo, extremamente duro. Antes de adotar o fecha-tudo, existe a possibilidade de trabalhar por bairro, a possibilidade de se fazer a redução da mobilidade urbana. Nós saímos praticamente do início dos números para o efeito cascata de decretação de lock down como se nós estivéssemos todos em franca epidemia“, disse.

Mandetta também alertou que não existe apenas coronavírus e que a vida continua: “O sistema de saúde tem que trabalhar. Eu tenho recebido médico fechando consultório de ginecologia, de pediatria, clínicas de ultrassonografia, laboratórios de análises clínicas. A vida continua. Outras doenças acontecem, as pessoas têm que ser atendidas. As pessoas têm dor de dente, têm necessidades, estão em tratamento”, declarou.

Sobre o Colunista

Bruna de Pieri

Bruna de Pieri

Jornalista e católica.

1 Comentário

Clique aqui para comentar

Colunistas

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...