fbpx

‘Milhares de cristãos são perseguidos e mortos’, evidencia Tiba Camargos 



Tiba Camargos, católico e pai de quatro filhos, durante o Boletim da Noite de quinta-feira (10), fez uma análise de um tema ignorado pela velha mídia: a cristofobia. Segundo Tiba, atualmente, milhares de cristãos são perseguidos e mortos.

“Eu acredito que nós estamos vivendo um tempo em que esse ódio enrustido pelos conservadores, pelos cristãos, encontrou uma brecha”, pontuou Tiba.

“Parece -me que eles encontram certa ação de poder e prática para colocar tudo isso que já estava fervilhando de dentro para fora. Algo que é fruto de uma situação antiga, desde a Escola de Frankfurt, que vem lançando guerra contra a religião, contra a família, querendo destruir tudo, desconstruir tudo”, afirmou.  

“Então, de fato, para eles darem andamento a um projeto totalitário, eles têm que derrubar aquilo que impelia o totalitarismo, que, ao contrário, incentiva a liberdade e o amor, a verdadeira caridade, que faz com que o mundo seja de fato melhor”, ressaltou. 

Tiba Camargos também evidenciou dados da ONG Portas Abertas nos últimos anos. Segundo a ONG, mesmo com a pandemia, mais de 340 milhões de religiosos foram perseguidos, contra 260 milhões reportados em 2019.

Atualmente, ainda segundo a ONG, a China lidera no número de igrejas e espaços religiosos atacados, à frente da Nigéria.

Mesmo com o aumento de violência, o país comunista aparece em 17º lugar na lista dos que apresentam maiores índices de perseguição contra cristãos.

A Coreia do Norte aparece no topo da lista, seguida pelo Afeganistão, Somália, Líbia e Paquistão, cuja religião oficial é o islamismo.

“Para vocês terem ideia, só nos séculos 20 e 21, nós tivemos o maior número de mártires da história do cristianismo, nunca se matou tanto. Eu tenho aqui dados da Missão Portas Abertas, eles trazem dados sobre a perseguição de cristãos no mundo, só em 2019 foram 4305 cristãos mortos”, apontou Tiba.

“Alguns anos atrás, o professor Olavo de Carvalho concedeu [uma entrevista] para vários jornalistas, que faziam várias acusações contra a Igreja Católica. O professor Olavo de Carvalho falou uma frase que nunca me esqueço, que é a seguinte: ‘Vocês jornalistas são culpados de cumplicidade em genocídio cristão, ou porque vocês omitem, ou porque vocês o legitimam inventando mentiras contra a Igreja Católica”, disse. 

“Se juntarmos a morte de cristãos dos séculos passados, não dá a quantidade que tivemos nos séculos 20 e 21, e isso não é notícia, não é problema, é tratado como se fosse a coisa mais normal do mundo”, concluiu Tiba Camargos. 

ASSISTA AOS COMENTÁRIOS DA NOTÍCIA:

Sobre o Colunista

Brehnno Galgane

Graduando em Filosofia pela PUC-Rio, Católico e cultivador de uma narrativa que tenha sentido segundo a forma humana.

Comente

Clique aqui para comentar

Colunistas

avatar for Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

avatar for Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

avatar for Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...

Achou algum erro na matéria? Nos informe através do formulário abaixo: