fbpx

Militantes em Gaza atacam Israel com foguetes após cessar-fogo



Os militantes islâmicos na Faixa de Gaza dispararam hoje (14) uma série de foguetes contra Israel, horas depois de um cessar-fogo ter sido acertado para pôr fim a dois dias de intensos combates.

As sirenes dos ataques aéreos soaram em várias comunidades israelenses, perto da Faixa de Gaza. Pelo menos cinco foguetes foram vistos sendo disparados do território palestino.

Os foguetes foram lançados depois de Israel e o grupo palestino Jihad Islâmica dizerem que estavam contendo os ataques mútuos, após o mais violento confronto na fronteira em meses.

Ninguém assumiu imediatamente a responsabilidade por essa nova onda de ataques a Israel.

Não ficou claro imediatamente se Israel responderia ao ataque e como ficaria o acordo de cessar-fogo.

Os combates dos últimos dias mataram pelo menos 34 palestinos, entre eles três mulheres, oito crianças e 18 militantes islâmicos.

Musab al-Berim, porta-voz da Jihad Islâmica, disse que o acordo mediado pelo Egito entrou em vigor às 5h30 (horário local).

Um porta-voz militar de Israel havia publicado no Twitter que a operação de Gaza “havia terminado”, antes de uma onda de foguetes ter atingido novamente o território israelense.

*Emissora pública de televisão de Portugal

Sobre o Colunista

Bruna de Pieri

Bruna de Pieri

Esposa, jornalista, tupãense e católica. 23 anos.

8 Comentários

Clique aqui para comentar

  • Hummm… 😐 Eu me lembro de que quando o Governo Bolsonaro resolveu mexer a embaixada lá em Israel deu o maior pepino. Por que será? Será porque ele é evangélico e está sendo influenciado por grupos religiosos que o apoiaram nas eleições? Mistério… 😉 KKKKKKKKKKKKK! 😀

  • Parecem os mesmos desocupados peçonhentos do Brasil, que não sabem fazer outra coisa em dias úteis.

    Isso não tem conserto e tem que ser varrido do mapa.

  • Maria, sou amante de teorias conspiratórias, mas as suas não fazem o menor sentido, parece até roteiro de filme trash ou freak.

  • esta maria precisa de um psiquiatra, talvez ainda tenha cura, é igual a dilma, ou seja , estoca vento na cabeça, só asneiras. kkkkk

  • Não há um líder árabe-palestino que estimule investimentos para gerar trabalho, escolas, universidades.. Tais lideres exploram o contrabando, inclusive de drogas, que passam pelos tuneis na fronteira com o Egito e “administram” mais de 1 bilhão de dólares por ano em “doações” internacionais” que deveriam investidas no bem estar e progresso dos palestinos, mas são desviadas para pagamento de “salários de integrantes da “organização”, armas, munições e enriquecimento pessoal. São canalhas e uma boa bomba caindo em suas cabeças é o que sempre merecem.

  • Por favor, Terça Livre, não se refira a esses terroristas como “militantes”. Uma pessoa mais desavisada pode pensar que vocês estão falando de pessoas que se manifestam pacificamente por algum motivo político. As palavras têm poder (e disso a esquerda já sabe há muito tempo), vamos chamar as coisas pelos seus nomes corretos.

Colunistas

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...

Achou algum erro na matéria? Nos informe através do formulário abaixo: