fbpx
Bolsonaro, inquérito, interferência, PF, STF, Alexandre de Moraes, Sérgio Moro, milícias digitais
Imagem: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Ministro pede prorrogação de inquérito



 

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), prorrogou nesta segunda-feira (11), por mais 90 dias, o inquérito que investiga a suposta interferência do presidente Jair Bolsonaro na Polícia Federal (PF).

Embora a página oficial da Corte exiba apenas o despacho que diz respeito ao inquérito que envolve o Presidente, veículos de comunicação divulgaram que o Ministro também adiou o término do inquérito das supostas milícias digitais.

A investigação que analisa a suposta interferência da PF surgiu após o ex-ministro da Justiça, Sérgio Moro, insinuar que a Polícia Federal sofria ingerência por parte do Chefe do Executivo. Até então, nada ficou provado.

No último dia 6, o presidente Jair Bolsonaro manifestou ao STF interesse em prestar depoimento na Polícia Federal, pessoalmente. O Ministro autorizou a PF a colher o depoimento do Presidente em no máximo 30 dias.

Sobre o Colunista

Andréia Luiza Matias

Jornalista, locutora, apresentadora, mãe e esposa.

Comente

Clique aqui para comentar

Colunistas

avatar for Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

avatar for Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

avatar for Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...

Achou algum erro na matéria? Nos informe através do formulário abaixo: