fbpx

Movimentos conservadores precisam existir apesar dos políticos, diz Allan dos Santos



 

O jornalista Allan dos Santos, durante o Boletim da Noite de quinta-feira (23), ressaltou a importância de movimentos culturais conservadores para uma real mudança no cenário político brasileiro. Segundo o jornalista o movimento conservador não é só política e precisa existir apesar dos políticos.

“É necessário dizer que um movimento conservador precisa não depender de nenhum político, nem mesmo do Bolsonaro. O movimento conservador precisa existir e atuar apesar dos erros do presidente, de alguns ministros ou de algum deputado”, afirmou o jornalista.

Allan dos Santos também apontou que movimento conservador brasileiro ainda não existe, porque não há uma organização estruturada ou pautas definidas. O jornalista acrescentou ainda que o que há no Brasil é um fenômeno ainda muito nebuloso, que não é conservadorismo, mas uma “política eleitoral pura e simples”.

“Aborto, por exemplo, ainda não é um tema definido dentro do que se chama de movimento conservador brasileiro. Até que ponto os políticos devem se submeter ao movimento conservador, tal qual acontece com qualquer outro movimento político? Não se tem isso debatido e esclarecido no fenômeno conservador. É necessário ter esse grau de realidade”, ressaltou Allan dos Santos.

Assista aos comentários da notícia:

Sobre o Colunista

Brehnno Galgane

Graduando em Filosofia pela PUC-Rio, Católico e cultivador de uma narrativa que tenha sentido segundo a forma humana.

Comente

Clique aqui para comentar

Colunistas

avatar for Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

avatar for Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

avatar for Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...

Achou algum erro na matéria? Nos informe através do formulário abaixo: