fbpx

Polícia prende mulher que teria roubado e tentado vender computador de Pelosi

Nancy Pelosi 2


Autoridades do Departamento de Justiça dos Estados Unidos prenderam nesta segunda-feira uma mulher que pode ser a pessoa que roubou um laptop com disco rígido do gabinete da presidente da Câmara dos Representantes dos EUA, Nancy Pelosi.

O roubo teria acontecido durante a invasão  do Capitólio no dia 6 de janeiro.

Riley June Williams, que é cidadã do estado da Pensilvânia, está sendo acusada de violar ilegalmente o edifício do Capitólio e ter conduta desordeira, segundo o portal Associated Press.

Segundo a Agência Reuters, o FBI chegou a dizer em um processo judicial no último domingo (17) que Williams foi vista em vídeo pegando “um laptop ou disco rígido” do escritório de Pelosi.

Agora, ela está sendo investigada por supostamente tentar vender o dispositivo para a inteligência russa.

A denúncia foi feita por um “ex-parceiro” da mulher, através de um depoimento apresentado ao Tribunal Distrital dos EUA para o Distrito de Columbia.

O denunciante disse que Riley June Williams “pretendia enviar o dispositivo de computador para um amigo na Rússia, que planejava vender o dispositivo para o SVR, o serviço de inteligência estrangeiro da Rússia”.

“A transferência do dispositivo do computador para a Rússia falhou por motivos desconhecidos e Williams ainda está com o dispositivo do computador ou o destruiu”, disse.

A investigação agora segue aberta pelo FBI.

Agência Reuters.

Colunistas

avatar for Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

avatar for Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

avatar for Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...

Achou algum erro na matéria? Nos informe através do formulário abaixo: