fbpx

Prefeito de Carmo do Rio Claro/MG zera casos de Covid-19 sem implementar lockdown



O prefeito de Carmo do Rio Claro, no sul de Minas Gerais, Filipe Cardoso Carielo (PSD) reconheceu que fechar o comércio não irá funcionar no combate ao vírus chinês. O prefeito, portanto, optou por somente atacar focos de contaminação, como as festas clandestinas.

O novo prefeito, que assumiu o município com pouco mais de 20 mil habitantes em 1º de fevereiro, garantiu que sem fechar as lojas foi possível zerar o número de casos de covid-19.

“O fechamento do comércio não resolve o problema e cria outros, como miséria, desemprego e violência”, afirma o prefeito.

Por outro lado, Carielo afirma que a prefeitura de Carmo do Rio Claro está focada em coibir festas clandestinas e aglomerações, que ocorrem principalmente aos fins de semana.

“O comércio varejista não é o culpado. Não fechamos as lojas, o comércio de segunda necessidade, apenas diminuímos o tempo de funcionamento dos bares, mas eles continuaram funcionando”, destacou Carielo.

O gestor municipal esteve em Brasília na última terça-feira (23), onde participou de um evento de prefeitos com o presidente Jair Bolsonaro.

Sobre o Colunista

Brehnno Galgane

Brehnno Galgane

Graduando em Filosofia pela PUC-Rio, Católico e cultivador de uma narrativa que tenha sentido segundo a forma humana.

Comente

Clique aqui para comentar

Colunistas

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...

Achou algum erro na matéria? Nos informe através do formulário abaixo: