fbpx

Saúde confirma compra de 54 milhões de doses da Coronavac



O Ministério da Saúde confirmou a opção de compra de mais 54 milhões de doses da vacina CoronaVac, produzida pelo Instituto Butantan em parceria com a farmacêutica chinesa Sinovac, nesta sexta-feira (29).

O secretário executivo do Ministério da Saúde, Élcio Franco, anunciou através de um vídeo publicado nas redes sociais do ministério o posicionamento e afirmou que haverá esforços para que o imunizante  obtenha seu registro permanente dado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

“Estamos solicitando o cronograma à Fundação Butantan para podermos celebrar o contrato já na semana que vem. E também solicitando a antecipação do registro junto à Anvisa para iniciarmos a vacinação em massa da população brasileira”, disse.

No contrato entre o ministério e o Instituto Butantan já havia a possibilidade de adquirir outras 54 milhões de doses além do lote inicial de 46 milhões, totalizando 100 milhões ainda em 2021.

“O ministério teria até maio para comunicar a opção de compra, mas nos últimos dias, o Instituto Butantan oficiou o ministério solicitando que o posicionamento fosse dado logo de modo a permitir um melhor planejamento da fabricação de imunizantes pelo órgão”, disse a Agência Brasil.

Segundo o comunicado do Ministério da Saúde, a distribuição das doses da vacina chinesa será definida na próxima semana.

Agência Brasil.

Colunistas

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...

Achou algum erro na matéria? Nos informe através do formulário abaixo: