fbpx

Senador Girão convida colegas a ouvir o sentimento de indignação ‘das ruas’



O senador Eduardo Girão (Podemos-CE), durante a sessão desta terça-feira (18) na CPI da Covid, convidou os membros da Comissão a ter a atenção voltada para como a população tem reagido à investigação.

Eduardo Girão apontou ainda que a CPI começou sob grande expectativa do povo. O sentimento agora, no entanto, é de indignação, porque a CPI tomou um posicionamento parcial.

“Eu gosto sempre de sair desta bolha aqui de Brasília, gosto sempre de conversar com as pessoas… E o sentimento, realmente, da população é um sentimento de indignação, porque a CPI, ela está apenas focando um lado, ela está parcial, completamente parcial. E esse equilíbrio é muito importante”, declarou o senador, que também manifestou seu repúdio à atuação do senador Renan Calheiros (MDB-AL), relator da CPI. 

“Nós chegamos ao cúmulo de alguma coisa dita pelo depoente o senador relator, Renan Calheiros, depois, dizer outra coisa que não foi colocada. Então, isso desequilibra o jogo e tira a credibilidade da CPI”, apontou Eduardo Girão.

“Imaginem um país onde um homem honesto é preso por um sujeito como o Renan Calheiros. Acredito que isso sintetiza o sentimento popular em relação a essa CPI”, afirmou Italo Lorenzon, durante o Boletim da Noite desta terça-feira (18). “E a manifestação é sempre amostral, uma minoria do eleitorado vai de fato até a manifestação, muita gente é apoiador mas não vai até a manifestação, então para cada pessoa que está na rua, tem umas vinte pessoas concordando com o discurso que está sendo feito na manifestação. Isso para qualquer lado”.

“Nós vemos o crescimento das manifestações pró-Bolsonaro, o fato da manifestação ter sido gigantesca é uma demonstração formidável. Tão formidável que eles tiveram que recorrer a imagens aéreas, e é óbvio que uma foto tirada de uma grande altura, parece que tem poucas pessoas. Ou seja, o isentão teve que utilizar esse subterfúgio para ocultar o óbvio, e qual é o óbvio? O povo brasileiro, por mais que ainda tenha muitos defeitos em termos de cultura […], talvez pela intuição natural da população, o brasileiro está começando a virar um dos povos mais espertos do mundo”, concluiu o analista político Italo Lorenzon.

Assista aos comentários da notícia:

Sobre o Colunista

Brehnno Galgane

Graduando em Filosofia pela PUC-Rio, Católico e cultivador de uma narrativa que tenha sentido segundo a forma humana.

Comente

Clique aqui para comentar

Colunistas

avatar for Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

avatar for Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

avatar for Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...

Achou algum erro na matéria? Nos informe através do formulário abaixo: