fbpx

Terça Livre noticiou no ano passado denúncia sobre fraude no Texas

Reprodução Project Veritas


O procurador-geral do Texas Ken Paxton anunciou nesta quarta-feira (13) a prisão de Rachel Rodriguez por crime de fraude eleitoral nas eleições americanas de 2020.

Em outubro do ano passado, o Terça Livre repercutiu a denúncia do Projeto Veritas que culminou na prisão anunciada hoje. Em um vídeo, visto por mais de um milhão de pessoas, a mulher explicava como fraudava os votos.

“O que eu faço – pegar aquelas cédulas quando estão comigo – é ilegal. Eu poderia ir para a cadeia. Estou um pouco apreensiva para contar a alguém o que estou [palavrão] fazendo, sabe o que estou dizendo?”, diz Rachel Rodriguez.

À época, o procurador Ken Paxton se pronunciou afirmando que sua equipe iria investigar a denúncia.

“O que é mostrado no vídeo é chocante e deve alarmar todos os texanos que se preocupam com a integridade eleitoral. Estamos investigando as graves alegações e crimes em potencial que as gravações de áudio e vídeo documentais do Project Veritas mostram. Meu escritório está empenhado em garantir que o processo de votação seja seguro e justo em todas as eleições no Texas”, disse Paxton.

O procurador ainda reiterou que “qualquer pessoa que tentar fraudar o povo do Texas, privá-lo de seu voto ou minar a integridade das eleições será levado à justiça e penalizado ao máximo extensão da lei”.

Durante todo o processo eleitoral dos Estados Unidos, a velha imprensa tentou descredibilizar e negar a existência de evidências de fraudes, afirmando que as denúncias eram “teoria da conspiração”.

Rachel Rodriguez está sendo acusada de fraude eleitoral, votação ilegal, assistência ilegal a pessoas que votam pelo correio e posse ilegal de cédula oficial. Ela pode pegar até 20 anos de prisão se for condenada.

“Muitos continuam a afirmar que não existe fraude eleitoral. Sempre soubemos que tal afirmação é falsa e enganosa, e hoje temos evidências adicionais. Esta é uma vitória para a integridade eleitoral e um forte sinal de que qualquer pessoa que tentar fraudar o povo do Texas, privá-lo de seu voto ou minar a integridade das eleições, será levado à justiça ”, disse Paxton.

Como Rachel atuava

De acordo com James O’Keef, fundador do Projeto Veritas, Raquel Rodriguez foi gravada com uma câmera escondida explicando como ela e seus confederados pressionavam e recompensavam os eleitores a fim de atingir o total de votos das campanhas.

Rodriguez, uma agente política que se descreveu como “caçadora de votos”, disse a jornalistas disfarçados do Projeto Veritas, que se passaram por clientes, que um de seus principais trabalhos era ajudar Mauro Garza, um candidato da Casa Republicana para o 20º Distrito do Texas.

“Ele estava me pagando $ 5.000 por mês, mas agora está me pagando $ 8.000 por mês, por quê? Porque aceitei os trabalhos extras dele”, disse ela.

Rodriguez disse a um jornalista do Projeto Veritas que não trabalharia para o presidente Donald Trump.

A mulher não revelou diretamente que foi paga pela campanha de Biden ou pela campanha da candidata democrata ao Senado, Mary Jennings, mas disse que trabalhava para os dois candidatos e não trabalhava de graça.

“Sim, estou conseguindo o voto para Biden, mas quero dizer, não vou fazer isso de graça – em outras palavras, se eles não me pagarem, posso me desculpar?” ela disse.

“Eu sou contra Trump. ESTÁ BEM. Estou com Biden e com Hegar. Essa é a verdade”, disse ela. “Eu tenho três democratas; três republicanos e o resto são democratas”.

Rodriguez disse que não se trata de lealdade partidária, mas de dinheiro, quando um jornalista do Projeto Veritas perguntou sobre o que seria necessário para contratá-la – e entre seus clientes estavam os republicanos do Texas, ajudando secretamente os democratas a vencerem.

“Meu pessoal está disfarçado porque alguns deles são republicanos”, disse Raquel. “Alguns deles são democratas. Alguns deles estão apenas querendo as pessoas certas no cargo, então alguns dos republicanos são presidentes de distrito que não podem ser conhecidos porque podem ser expulsos, mas eles querem ajudar Biden – e é assim que estão me ajudando”, revelou.

Assista ao vídeo:

Colunistas

avatar for Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

avatar for Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

avatar for Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...

Achou algum erro na matéria? Nos informe através do formulário abaixo: