fbpx

Urnas são violadas e criminoso preso em Campina Grande



Denúncias de “mau funcionamento” de urnas foram registradas aos montes em todo país durante o primeiro turno das eleições de 2018. Dessa vez, três urnas eletrônicas foram violadas neste sábado (27), em Campina Grande. Segundo as autoridades locais, os equipamentos fraudados já foram substituídos e o criminoso, foi preso em fragrante e levado para a delegacia da Polícia Federal.

As informações são do juiz da 16ª Zona Eleitoral, Valério Porto. De acordo com ele, as urnas foram violadas por um jovem que entrou no colégio das Damas, no centro de Campina Grande.

A forma e a motivação pela qual ele fez isso está sendo investigado pela Polícia Federal.

O juiz ressaltou que as urnas foram recolhidas e levadas para a PF, para passarem por perícia. Segundo ele, os equipamentos não foram quebradas e que havia apenas vestígios de violação de lacres e, em uma delas, um parafuso removido.

O magistrado também afirmou que o criminoso teria agredido um policial militar, no momento em que estavam tentando tirá-lo do local.

Caso tenha problemas com a sua votação neste domingo (28), reclame com o mesário e procure as autoridades locais e faça um boletim de ocorrência.

Informações: G1, Paraíba Online

Sobre o Colunista

Fernanda Salles

Fernanda Salles

Jornalista/Repórter

7 Comentários

Clique aqui para comentar

  • Flagrante. Precisamos atentar a esses detalhes, para podermos ser respeitados como imprensa com credibilidade!

  • – Raquel Dodge pediu a proibição do voto impresso, aprovado democraticamente no congresso, alegando que a impressora poderia falhar e um técnico PODERIA ver o voto.

    – O MAIS IMPORTANTE:
    .
    A CONSTITUIÇÃO DIZ QUE O CIDADÃO TEM DIREITO ABSOLUTO A SEU VOTO e ainda que deve ser secreto.
    .
    ENTÃO A URNA ELETRÔNICA É INCONSTITUCIONAL segundo a própria PGR. Porque ELA pode FALHAR e o eleitor PERDER SEU VOTO, garantido pela CF.

  • Raquel Dodge PREVARICOU ao não pedir a proibição da urna eletrônica, mas somente da transparência do processo eleitoral.

    Se a impressora poderia falhar E ISSO MOTIVOU a proibição do voto impresso, MAIS AINDA as URNAS PODEM FALHAR e IMPEDIR o VOTO do ELEITOR. Voto garantido pela constituição.

    Na minha opinião a tendenciosa Raquel DEVE SOFRER IMPEACHMENT e com ela os “interpretadores” das leis que suprimem trechos ao lê-las e até violam a constituição fazendo apuração secreta entre muitas outras violações as leis e a CF.

  • O que se tem COMPROVADO é INUMERAS FALHAS das URNAS e sempre em desfavor de um candidato. Com isso impedindo eleitores de votarem.

    Essa falha se dá exatamente num só candidato PORQUE, DESCONFIO EU, o SOFTWARE ao testar o voto no candidato pode estar programado para desvios, acessando “procedures” ou “sub rotinas” em variadas “bibliotecas” para dificultar detecção. Imagino ENTÃO que POR ISSO ACONTECE INSTABILIDADE nas urnas, DEVIDO INCONSISTÊNCIAS devidas a dificuldade do programa rodar harmonioso . APRESENTANDO BUGS devido a complexidade dos desvios camuflados.

    É ISSO QUE EU ACHO sobre estes BUGs em urnas: O SOFTWARE pode estar adulterado para fraudar. É a minha opinião.

Colunistas

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...