fbpx

Venezuela será mais pobre do que o Haiti em 2021, diz FMI



O Fundo Monetário Internacional (FMI), divulgou um informe no último dia 6 de abril, que aponta que a Venezuela será o país mais pobre da América Latina e Caribe em 2021, ultrapassando até mesmo o Haiti.

O estudo (que leva em conta a renda per capita, ou seja, que parte do bolo da riqueza ,ou da pobreza, corresponde a cada habitante de um país) apontou que, desde 2013, o PIB venezuelano vem em queda contínua, o que ocasionou a perda de 80% da riqueza do país. Somente em 2020, a queda foi de 30%. Há ainda a projeção do FMI de que cairá mais 10% em 2021 e 5% em 2022.

O PIB da Venezuela já chegou ao patamar de 3º maior do mundo, na década de 1960, e um dos mais altos do mundo nas décadas de 70 e 80,  porém, após inúmeras interferências de líderes socialistas, o país se tornou uma nação miserável, atualmente um dos países mais pobres do continente americano.

De acordo com o informe do FMI, há 18,5 milhões de pessoas no país que vivem com menos de 1,9 dólar por dia, o que é considerado abaixo da linha da pobreza na América Latina.

Comentando o caso, o jornalista Max Cardoso, durante o Boletim da Manhã, lembrou: “A Venezuela já está no fundo do poço e daqui a pouco será a Argentina também”.

Atualmente, segundo o Instituto Nacional de Estatística e Censos da Argentina (Indec), a pobreza no país peronista continua a avançar, atingindo 42% da população no segundo semestre de 2020.

Assista aos comentários da notícia:

Colunistas

avatar for Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

avatar for Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

avatar for Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...

Achou algum erro na matéria? Nos informe através do formulário abaixo: